Alimentos influenciam a fertilidade?

quinta-feira, dezembro 09, 2010

Será verdade que a mudança nos habitos alimentares e até certos alimentos ajudam a engravidar? Tenho certeza que muitas tentantes que me acompanham já ouviram de alguém: "Fulana, come tal coisa! Você vai engravidar!"
E tentante que é tentante, guerreira como nenhuma outra classe de mulheres come a tal coisa mesmo sendo ruim, amargo, azedo, melado, melecado, nojento... tudo para tentar adiantar a chegada da cegonha.

Pensando nisso resolvi reunir as dicas mais legais e que ao meu ponto de vista tem fundamento sobre o assunto.

(Dicas com base em pesquisas científicas)

-  Retire do seu cardápio a gordura TRANS. Simmm, aquela que está presente em quase todas as coisas suculentas, exemplos:
  • margarinas
  • molhos para saladas prontos
  • batatas fritas em pacotes e de fast-food
  • congelados
  • salgadinhos de pacote
  • maioneses
  • bolos prontos, biscoitos recheados, bolachas tipo cream crackers..
  • pipocas de microondas
  • achocolatados
Dica: Quando for fazer compras é só procurar na embalagem os dizeres "livre de gordura trans", felizmente hoje encontramos muitos produtos assim.
Segundo as pesquisas, uma pessoa que ingere quantidades razoáveis dessa gordura ruim, eleva muito as chances de dificuldades para ovular.

- Aumente a ingestão de ômega 3 e 6. Segundo o médico Dirceu Mendes Pereira, esses alimentos tornam a membrana que envolve o óvulo mais fluída. Vamos dizer que ela fica "facinha", "vemnimim" compreenderam? Com isso o espermatozóide penetra no óvulo com mais facilidade.
Exemplos de alimentos com ômega3: 
  • Peixes: cavala, arenque, sardinha, salmão, atum e bacalhau
  • Semente de linhaça
  • Castanhas 
  • Amêndoas
  • Óleos vegetais (azeite, óleo de soja, canola)
  • Vegetais de folhas verdes escuro
Exemplos de alimentos com ômega6: 
  •  Linhaça dourada
  • Óleo de Milho
  • Óleo de Soja
  • Óleo de Girassol
  • Leite
  • Ovos
  • Carne Animal (magra)
  • Lula
  • Peixes de água quente
  • Açafrão
  • Nozes
- Troque a farinha branca pela integral. Ou seja, procure ingerir pães, biscoitos, macarrão, arroz na versão integral. Particularmente falando, não sou muito fã do sabor, sabem quais são né? Aqueles que são mais escurinhos e geralmente com grãos. Mas os benefícios são muitos! Na fertilidade, o que realmente interessa aqui, segundo uma pesquisa foi constatado que mulheres que consumiam apenas os carboidratos simples em quantidades razoáveis e não os integrais, tinham 55% mais probabilidade de apresentar a síndrome do óvario policístico.

- Aumente a ingestão de ácido fólico, ele ajuda desde a fecundação até o final da gestação, ajudando na formação do sistema nervoso do bebêzinho. (não vai sair comprando ácido fólico feito doida hein! Só o seu GO pode prescrever!). Mas você já pode ingerir alguns alimentos ricos em ácido fólico:
  • Soja
  • Fígado
  • Vegetais de folhas verde escuro
  • Feijão
  • Levedo de cerveja
- Consuma mais alimentos ricos em ferro. Segundo pesquisas a deficiência desse mineral no orgânismo pode desregular a ovulação. 
Exemplos de alimentos:
  • Fígado
  • Miúdos (coração, rim)
  • Mariscos crus
  • Agrião
  • Cheiro verde
  • Feijão
  • Grão de bico
  • Lentilha
  • Açaí
  • Açucar Mascavo
- Beba muuuuita água. Cerca de 3 litros por dia. A água é importante para que o organismo realize todas as suas reações químicas, inclusive a fecundação.

- Dimiua a ingestão de carne vermelha. Tente consumir apenas duas vezes na semana, e nos outros dias trocar por outras fontes de proteínas (feijão, peixe, etc).Segundo uma pesquisa americana,  a infertilidade ovulatória era 39% maior em mulheres que consumiam mais proteína animal. 

- Se você consome muita cafeína e álcool, pode maneirar! Pesquisas mostraram que o consumo desses dois elementos em exagero, aumentam o nínvel do hormônio prolactina e consequentemente reduz a fertilidade.

- Se está acima do peso, emagreça! Controle a alimentação... aos poucos corte as gorduras, doces, refrigrantes, coma mais frutas e legumes. Estudos mostram que 15% dos homens e mulheres inférteis estão acima do peso.

É isso meninas... Se essas dicas são 100% verdadeiras, se realmente surtem efeito eu não posso afirmar. Mas tenho certeza que se seguirem todas elas terão ao menos uma qualidade de vida bem melhor não é? 
Beijinhos...

Quer falar comigo? Então envie um e-mail para: contato@diariodatentante.com ou preencha o formulário clicando aqui

Leia também

0 comentários

Se você não tem blog e não quer comentar anonimamente pode escolher em publicar comentário usando nome e URL, no campo URL coloque o endereço do site aqui do Diário: www.diariodatentante.com